Como acontece uma transmissão via streaming

Como acontece uma transmissão via streaming

A transmissão via streaming depende de uma boa infraestrutura e um bom serviço de distribuição para o sucesso. Veja como a UPX pode ajudar!

Você já pensou em como pode contribuir com as estratégias da sua empresa investindo em transmissão via streaming?

A tecnologia vem sendo cada vez mais utilizada para várias finalidades: trabalho remoto, treinamentos, cursos, entretenimento, vendas, entre muitas outras.

Para aumentar ainda mais o seu interesse, convidamos Kurt Urban, diretor de redes e operações da UPX, para discutir tudo sobre o assunto: como o streaming funciona, como vem crescendo e os diferenciais da nossa solução. Confira!

O crescimento da transmissão via streaming no Brasil

A pandemia da Covid-19 resultou em uma explosão de videochamadas corporativas durante o home office, lives de música e uso de plataformas de jogos e entretenimento, além da expansão de novos serviços de ensino à distância — EAD.

Mas, além disso, deixou claro como essa estratégia pode significar novas oportunidades para negócios em todos os setores.

Por necessidade ou não, as transmissões de vídeo e áudio ao vivo ou sob demanda feitas durante esse período tiveram imenso crescimento em engajamento e visualizações, o que chamou a atenção de todo o mercado.

A verdade é que, até pouco tempo, a própria infraestrutura brasileira impedia o alcance em larga escala desse tipo de mídia. Sempre houve uma grande dificuldade de penetração da internet banda larga no nosso país.

Mas a popularização de smartphones, da tecnologia 4G e o crescimento de operadoras regionais descentralizadas está transformando essa realidade.

Com essa expansão vem também mais competitividade e necessidade de criar diferenciais para se destacar. É por isso que entender o formato e investir na tecnologia por trás faz toda a diferença.

A transmissão do streaming e como ela funciona

Existem duas formas de streaming: a transmissão ao vivo e a sob demanda. A diferença está apenas na forma como o conteúdo é disponibilizado, sendo produzido ao vivo ou armazenado em servidores para serem consumidos a qualquer hora.

Mas a tecnologia e a infraestrutura por trás são bem semelhantes:

  • áudio e/ou vídeo são captados pela câmera do usuário e passam por um encoder — software que converte aquela informação em dados compatíveis com outros dispositivos e players;
  • esses dados (os arquivos on-demand ou o cache da transmissão ao vivo) são enviados pela internet para um servidor;
  • esse servidor disponibiliza o acesso de todos os usuários pela internet para que consumam o conteúdo enviado.

Protocolos de streaming

Existem diferentes protocolos e tecnologias para a transmissão via streaming, seja ela ao vivo ou sob demanda. Cada um é ideal para tipos específicos de conteúdos e objetivos da empresa que investe no serviço.

Para áudio, os protocolos mais utilizados são Shoutcast e Icecast. Criados no fim dos anos 1990, são capazes codificar e enviar o áudio para servidores que armazenam ou transmitem em tempo real o conteúdo para ouvintes. Mesmo sendo antigos, ainda são os mais utilizados por sua compatibilidade incrível entre máquinas e sistemas e a eficiência na compressão.

Já para vídeo, a melhor opção (e que a UPX utiliza) é o HLS. Desenvolvido em 2009, esse encoder é moderno e leva a compatibilidade com smartphones em conta para adequar a tecnologia ao consumo mobile de conteúdo que vem crescendo tanto.

A sua sigla vem de HTTP Live Streaming, ou seja, ele utiliza a conexão padrão de todos os navegadores. Assim, não requer instalação de programas, players ou plugins. A entrega é direta tanto para vídeo quanto áudio, utilizando benefícios do protocolo para aceleração de entrega e facilidade de integração. Apesar de usar o protocolo HTTP, o navegador precisa suportar ele. Caso não suporte, programas externos precisarão ser instalados.

Diferenças entre streaming ao vivo e on-demand

Os protocolos e encoders utilizados na transmissão via streaming podem ser feitos de duas formas distintas. Inclusive a combinação entre os dois modelos é geralmente uma estratégia mais completa para entregar conteúdo aos clientes.

O streaming ao vivo é aquele em que o sinal gerado é enviado em tempo real para o público. Nesse caso, não há necessidade de armazenamento. Áudio e vídeo são capturados e convertidos usando o encoder, para então serem transmitidos de servidores diretamente pela internet.

Com o uso de tecnologia e serviços especializados como o da UPX, o streaming é enviado apenas uma vez para seus servidores e lá é gerenciado de forma a manter a estabilidade e qualidade independente de quantas pessoas visualizam a live ao mesmo tempo.

Já no on-demand, a transmissão é feita sob demanda. Nesse caso, o conteúdo já gravado (como vídeo-aulas ou podcasts) fica armazenado em servidores. Assim que o consumidor dá play, o stream daquele arquivo começa a ser reproduzido imediatamente. Isso tudo com baixa latência.

As diferenças entre plataformas gratuitas e pagas

Hoje existem muitas plataformas gratuitas para a transmissão via streaming, como o próprio Youtube e o Facebook. Mas Kurt vê essa possibilidade sob um outro ponto de vista:

"A empresa não paga pela plataforma em si, que acaba usando outras formas de monetização, via propaganda de terceiros, por exemplo. E existem limitações do que pode ser feito. É algo que não combina com qualquer modelo de negócio".

Isso sem contar na limitação também para o conteúdo distribuído via on-demand. Com um serviço pago exclusivo, você não só elimina as restrições possíveis como tem outras vantagens: suporte técnico de qualidade e ainda pode escolher a tecnologia mais viável para o seu negócio. Confira:

Os diferenciais do streaming da UPX

Qualidade, suporte 24/7/365, diferentes tecnologias para diferentes cenários é exatamente o que o Streaming da UPX oferece para seus clientes.

Veja e entenda quais são os diferenciais UPX que vão fazer suas próximas transmissões serem estáveis e entregarem uma boa experiência aos seus clientes. Acompanhe!

CDN própria

Antes de elencar os diferenciais, é preciso esclarecer um ponto que muitas vezes é dúvida de quem contrata o Streaming. O serviço da UPX não engloba produção de conteúdo e nem a interface na qual ele é disponibilizado, somente sua distribuição. Kurt explica:

"O cliente nos envia o sinal da transmissão. Nossa infraestrutura, Content Delivery Network (CDN), com servidores espalhados globalmente, faz o trabalho de retransmitir o stream de maneira mais próxima a cada usuário, com latência mínima."

Como é a própria UPX que desenvolve e mantém a CDN, existe mais flexibilidade e agilidade na hora de atender as necessidades dos clientes em qualquer cenário.

Manutenção do sinal

Outro diferencial interessante que o diretor aponta é a flexibilidade de contar com uma rede diluída de máquinas para fazer as transmissões.

Quando a transmissão parte de apenas um ponto, qualquer problema é suficiente para tirá-la do ar para todos os usuários.

Com a divisão, o stream pode ser automaticamente remanejado para outra se uma dessas fontes apresentar problemas. A causa da falha é endereçada sem que os usuários sequer percebam que ela ficou indisponível.

Integração simplificada e outros recursos

A infraestrutura de distribuição da UPX é compatível com HTML 5. Isso quer dizer que ela vai funcionar em qualquer dispositivo ou sistema que o usuário tenha compatível com esse recurso, sem necessidade de plugins e extensões.

Também existem diversas funcionalidades adicionais que podem ser incluídos para melhorar a transmissão, simplificar o gerenciamento e a distribuição do streaming. Embora hoje elas não sejam mais tão utilizadas, já que a qualidade das conexões e da banda entregues dispensam esse tipo de recurso.

Um exemplo é o chamado Auto DJ, que permite tocar playlists de vídeo e música automaticamente e manter uma transmissão ao vivo mesmo sem participação direta de um intermediário.

No quesito funcionalidade, a taxa variável de bitrate (VBR) é uma tecnologia que cria várias versões da mesma codificação de um arquivo.

Com níveis de qualidade diferentes, elas são enviadas automaticamente de acordo com a capacidade do link de cada usuário. Assim, mesmo que a qualidade da imagem caia por um tempo, isso impede a queda da transmissão, garantindo uma boa experiência para o usuário.

Fora as ferramentas adicionais, o que mais influencia na qualidade de um streaming é a infraestrutura e o serviço que o permitem. Você precisa de um bom serviço e banda suficiente.

Painel para análise de dados

Uma grande vantagem do serviço da UPX em comparação com os gratuitos está no acompanhamento de todos os dados de transmissão por um dashboard com tecnologia própria, design moderno e intuitivo que possibilita o controle o tráfego contratado e consumido.

Com ele é possível não apenas acompanhar a audiência em tempo real como consultar também seu histórico, comparativos semanais, segmentar e analisar indicadores que demonstrem o sucesso ou não da sua estratégia.

Especialização em segurança digital

A UPX investe muito na segurança digital, e isso não é diferente em nosso serviço de Streaming e CDN. Kurt cita que até mesmo na distribuição de conteúdo sob demanda que é possível ter essa proteção extra.

"Para conteúdos sensíveis, para venda ou de acesso ilimitado, nosso servidor cria um formato que gera uma chave específica para cada cliente."

Segurança nas transmissões

A segurança na transmissão de conteúdo é importante em diversos cenários. Principalmente quando seu conteúdo é interno (material sensível) ou pago, permitindo que apenas usuários cadastrados tenham acesso.

Por isso utilizamos streaming com HTTPS via nossos servidores, além de contar com uma equipe especializada para monitorar e identificar qualquer brecha de segurança antes que haja comprometimento do seu conteúdo.

Com a inclusão dessa camada de segurança no acesso (com protocolo SSL/TLS), a conexão passa a ser criptografada entre empresa, UPX e espectadores. Dessa forma, é virtualmente impossível que um criminoso consiga interceptar e captar o sinal que está sendo transmitido.

Suporte próximo e especializado

E não é só na segurança que alocamos nosso suporte e na performance dos serviços que entregamos. Se o grande foco da UPX está na excelência de seus serviços, isso só é possível porque também investimos muito nas relações com os clientes.

Se a transmissão via streaming está se tornando uma grande estratégia de operação e de negócios, nós damos ainda mais importância para possibilitar seu sucesso com conteúdo distribuído pela internet priorizando a melhor performance.

Então por que você não conhece mais sobre a solução de Streaming da UPX? Visite agora nosso site e entre em contato!

Leia mais

Newsletter

Cadastre-se e receba novidades da UPX!
Cadastrado com sucesso! Obrigado.
Oops! Ocorreu um problema, tente novamente.